terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Bom Jesus das Selvas / Buriticupu

O Núcleo Residencial da Vale e Buriticupu - MA


No ano de 1984, a Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) pretendia construir um conjunto residencial para os seus funcionários, numa área que fosse localizada de preferência nas proximidades da BR-222. A sede do Projeto de Colonização seria um excelente lugar para a construção do referido residencial. Para isso, restava apenas procurar a direção do Projeto de Colonização para solicitar a doação da área. Logo que encontraram os diretores do Projeto de Colonização e, assim, solicitaram a doação da área, a resposta foi não! Contrariados, pois tinham como quase certa a doação, que seria interessante para a comunidade local, que receberia grandes investimentos, deixaram o local com sentimentos de frustração. No local, foi instalada a serraria do empresário Jorge Antonio Fernandes.
Perplexos, os diretores da CVRD estranharam aquela inesperada atitude e lamentaram, dizendo: “Foi rejeitado um projeto que em todos os aspectos traria bons resultados para o povoado”. Na semana seguinte, durante uma conversa na Fazenda Verona entre engenheiros da CVRD e Jocélio, gerente da fazenda, foi tocado o assunto da cessão do terreno. Os engenheiros diziam não ter conseguido o terreno para a construção do residencial; o gerente perguntou, então, se a Fazenda Verona seria um local viável para aquele projeto. Após um rápido reconhecimento da área, constatou-se que sim, a área era viável para a construção do complexo residencial. Bastou apenas um telefonema para o proprietário da fazenda, o empresário e pecuarista Chico Rico, e tudo resolvido: ele doou 10ha de terra à CVRD.
O conjunto residencial é hoje uma realidade, um rico patrimônio construído no município de Bom Jesus das Selvas. É formado por bonitas residências, quadra de esporte, escola, posto telefônico e todas as ruas calçadas e arborizadas. Buriticupu ficou apenas com o prejuízo.
Fonte: Focos da História