sábado, 23 de abril de 2011

Buriticupu / Maranhão

Prefeitura vira Lixão


Revoltados com a precariedade da coleta de lixo na cidade de Buriticupu, vários moradores incluindo pessoas do comércio, resolveram  protestar contra o Prefeito Antonio Marcos de Oliveira, conhecido como Primo. 

Segundo os manifestantes, em Buriticupu,  já  são dois meses de  espera por um melhor serviço de limpeza pública. "De lá pra cá nada foi feito pelo Gestor  Municipal, então resolvemos recolher o lixo na Zona Urbana e depositar na porta da Prefeitura," disse um morador revoltado que não quer ser identificado. Mais de dez caminhões de lixo foram jogados na frente da sede do Governo Municipal. 

Policiais Militares, foram chamados para  tentar controlar à manifestação. As informações que chegam à capital é que tiros foram disparados e teriam atingido pneus de um caminhão. O Prefeito Antonio Marcos de Oliveira, o Primo,  deve se pronunciar sobre o assunto.  

Buriticupu fica a 420  quilômetros da capital maranhense, cidade que mantém um comércio forte em toda à região da BR-222. Os moradores, caso à limpeza pública não melhore, prometem novas manifestações. O Prefeito Antonio Marcos de Oliveira, é marido da deputada estadual Francisca Primo do Partido dos Trabalhadores.

Buriticupu, é também conhecida pelos protestos da população, no fim da década de 90, revoltados com a morte de um motociclista, à comunidade destruiu um posto rodoviário da PRF, que nunca mais foi reconstruido. Não tão distante, durante outras manifestações, o prédio da Delegacia Municipal foi destruido. Lixo na porta da Prefeitura se virar onda, muitos Prefeitos pela pressão da população terão que melhorar à  limpeza, que representa em qualquer lugar do mundo Saúde Pública